Cassiana, nossa querida aluna conta como a corrida mudou a vida dela!!

Jpeg

Cassiana na prova GRAAC 2016

Comecei minha vida nas corridas em 2012 quando uma amiga me chamou pra participar da Corrida Contra o Câncer de Mama. Jamais imaginei que entraria neste estilo de vida, não colocava fé que conseguiria, achava que não aguentaria correr nada. Mas encarei o desafio e fui e, a partir disso, nunca mais parei de correr.
Na realidade, na infância e adolescência, sempre fui adepta das aulas de Educação Física do colégio, nunca faltava às aulas e participei de campeonatos de vôlei, porém, como não tinha uma alimentação muito regrada, sempre abusei com doces e porcarias o que gerou um pequeno excesso de peso e isso veio a “pesar” uns anos depois.
Na fase adulta, começou aquela correria de trabalhar e estudar e as coisas só pioraram, acabei engordando mais, chegando aos 70 quilos para alguém com uma altura de 1,56cm. Passei a ter refluxo que me incomodava demais, cansaço para andar percursos mínimos e, claro, as roupas passaram a ficar pequenas. Estes foram alguns dos sinais de que eu deveria dar um basta na vida sedentária que estava levando.
Resolvi buscar ajuda com uma nutricionista e também comecei a fazer aulas de Muay Thai que foi aonde conheci a Marie que é a amiga que me incentivou às corridas e a quem agradeço demais por todo o apoio. Consegui perder 10 quilos com a reeducação alimentar e com as atividades físicas. Sem contar que isto melhorou e demais a minha autoestima.
Hoje, sou uma pessoa super consciente de que devemos cuidar e valorizar muito a nossa saúde. Fazer atividade física não é questão de capricho e sim aprender a buscar qualidade de vida, sem contar que melhora tudo. No meu caso, quando corro, sinto uma sensação de liberdade fantástica, é como se nada me impedisse de alcançar e atingir meus objetivos, sinto segurança em ver que sou capaz de tudo e de ir cada vez mais longe, esqueço os problemas e o stress vai embora, sem contar que depois que comecei a correr com a equipe da Ser Ativo ganhei vários amigos. Antes, o correr no parque era solitário e agora, mesmo correndo sozinha sei que temos toda uma equipe junto que nos motiva e faz com que os treinos sejam mais prazerosos e divertidos.
Esta é a minha história no mundo das corridas. Comecei a correr em busca de qualidade de vida e hoje vou muito além, tenho metas e objetivos, aos poucos estou me surpreendendo com meus resultados e, é claro, quero correr mais e mais e mais.

Anúncios

O que você precisa? Nós te ajudamos!

Qual seu objetivo? O que você precisa? Siga as setas, nós te ajudamos!!

o que voce precisa